[Musica] Duff sobre Axl: "Ele é só um cara preso a acontecimentos!"

musica-duff-mckagan

Traduzido por Daniel Nusa | Em 13/10/09 | Fonte: Independent.ie

Paul Whitington do Independent.ie entrevistou o baixista Duff McKagan (VELVET REVOLVER/ex-GUNS’N’ROSES).

Independent.ie: “Axl Rose – a versão rockeira de Howard Hughes ou um gênio incompreendido?”

Duff: “Eu acho que quando você não fala com a mídia ela começa a enlouquecer com algumas coisas. Tinha uma matéria da (revista) Rolling Stone que o pintava meio como Howard Hughes e todo mundo começou a usa isso como referência ao escrever sobre Axl. Nada disso é verdade. Ele é só um cara preso a alguns acontecimentos.

Independent.ie: “Assim como o resto de vocês. Mas ele foi o único a virar escravo de um álbum por 15 anos.”

Duff: “Ele era o vocalista daquela banda. E aquela banda ficou maior do que qualquer um pudesse imaginar. E, como vocalista, você é o foco, certo ou errado. Você é. Nada pode te preparar para isso.”

Independent.ie: “Deve ter sido bem louco quando o GUNS’N’ROSES explodiu em 87.”

Duff: “Cara, a parte da fama…eu me lembro de ter entrado em um mercado e as pessoas ficaram malucas. Em um mercado! Eu ia lá o tempo todo. Você sabe, nada te prepara para isso. E as pessoas lidam com isso de maneiras diferentes. Você cria pequenos mecanismos de defesa. Não dá para ser um cara normal.”

Independent.ie: “Especialmente se você é o vocalista.”

Duff: “Especialmente sendo um vocalista com cabelo vermelho. As pessoas te reconhecem em todo lugar. Então você pode chamá-lo de recluso, ou apenas dizer que ele estava salvando a si mesmo.”

Independent.ie: “Entre as groupies, as drogas e a bebida, era incrível que vocês encontrassem tempo pra fazer música.”

Duff: “As coisas eram bem abertas. Nós estávamos transando e dividindo agulhas. Era uma coisa bem devassa. Mas não éramos apenas a gente, todo mundo fazia isso. Foi provavelmente a última corrida hedonista desenfreada.”

Independent.ie: “Depois de algum tempo esse estilo de vida fica cansativo?”

Duff: “A AIDS acabou com isso. Ninguém usava camisinha ou agulhas limpas. Acho que ninguém se cansou disso. Se não fosse pela AIDS tudo teria continuado.”

Independent.ie: “O Slash teve uma parada cardíaca e teve que ser ressucitado. Aconteceu alguma coisa parecida com você?”

Duff: “Diversas vezes. É um milagre o Slash ainda estar vivo. É um milagre eu estar vivo. Até o Axl – apesar dele ser o mais sossegado. Ele nunca foi tão fundo quanto o resto de nós.”

Independent.ie: “As bandas de ‘Hair Metal’ dos anos 80 foram bastante prejudicadas pelo Nirvana e toda a coisa grunge. Sendo de Seattle, isso chegou a atingir você?

Duff: “Por um lado, não afetou a gente. Éramos uma banda imensa. Por outro lado eu pensava ‘Eu poderia ter ficado em Seattle e ter sido parte do SOUDNGARDEN ou do ALICE IN CHAINS’. Eu não precisava ter me mudado e virado um viciado. Você sempre quer o que você não tem. Eu era parte da maior banda do mundo e isso não é ruim.”

Independent.ie: “Olhando fotos do começo do GUNS’N’ROSES você encara os penteados e as roupas ridículas com carinho ou você fica envergonhado?”

Duff: “Nós éramos uma banda entre várias outras que tínhamos nossas emoções à flor da pele. Nós ditávamos a moda ao invés de segui-la. A gente não ligava. Quando eu vejo essas fotos, eu sorrio. Era uma época ótima.

Fonte BR: http://whiplash.net

One response to “[Musica] Duff sobre Axl: "Ele é só um cara preso a acontecimentos!"

  1. Pingback: [Musica] Duff McKagan: baixista fala sobre “Chinese Democracy” « Blog Stone – O Blog da Old Stone

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s